A declaração de amor mais linda do século!


Gente, essa é a declaração de amor mais linda do século e merece ser compartilhada…. é apaixonante!


Eu tenho um amigo muito romântico, eu e o Sam somos amigos de longa data e estamos sempre conversando sobre tudo e sempre que podemos nos visitamos. Recebê-lo aqui em casa é maravilhoso, as crianças adoram o tio Sam, o J e eu somos super amigos dele.

Pois então, outro dia o Sam nos contou sobre uma declaração de amor que fez para uma potencial namorada. Sem brincadeira, eu sou romântica assumida e incontornável, e não consegui segurar as lágrimas de de emoção ao ouvir  história. Me lembrei do filme PS: I Love You, em que a personagem interpretada pelo Gerard Butler guia sua esposa por passeios fantásticos pela Irlanda. E fiquei o dia todo com uma energia boa, positiva, por saber que ainda existe homem romântico e cavalheiro!

Mas antes de eu contar a história da declaração de amor real mais linda que já ouvi, vou contar um pouco sobre o Sam: Ele mora no Canadá e também é romântico assumido. O romantismo dele é tão natural que ele acaba sendo romântico com as amigas e com a família dele… e não me entendam mal, ele não flerta com as amigas! Ele simplesmente é aquele gentleman que nasceu no século errado, com um magnífico senso de humor, e uma inteligência extraordinária! 

Apesar de ser diferente, o Sam é um cara super normal e há anos ele tem paixão pela Kirsten, que aparentemente também tem uma “quedinha” por ele. Apesar de anos de amizade entre a Kirsten e o Sam, e dos vários climas que rolam, acho que os dois nunca conseguiram se declaram um ao outro, até o dia chegou.

A Kirsten, que também mora no Canadá resolveu viajar para a França… para tirar umas férias que coincidiram com a sua data de aniversário. Foi quando o Sam teve a idéia maravilhosa de se declarar de uma forma inusitada, diferente e simplesmente MARAVILHOSA!!!



No dia anterior ao aniversário da Kirsten, ela chega em Paris. Junto com a sua chegada, ela recebe um email do Sam com as seguintes instruções:

Querida Kirsten,

Hoje, você completa 25 anos! E para testar sua vivacidade, vamos à uma caça ao tesouro, ou aos tesouros, pois serão vários no meio desse caminho todo!
Porém, para jogá-lo é preciso obedecer estritamente a algumas regras para que tudo dê certo conforme o planejado! São elas:
1) Siga religiosamente todos os passos do roteiro, incluindo horários!
2) Nunca pule nenhum passo!
3) Nunca olhe os passos seguintes sem antes ter terminado os anteriores! (Sim, a mais difícil, mas se controle para poder ter uma surpresa a cada passo novo! Acredite, eu saberei se você violar essa golden rule)
4) Tire fotos em todos os lugares em que estiver!
5) Leve o carregador do seu iPhone em caso de a bateria definhar no meio do caminho!
6) Tente aproveitar ao máximo tudo o que vem a seguir! Foi especialmente feito para você!

Que a aventura comece!
Feliz aniversário,
Sam

PASSO #1
Horário: 10h
Saia do hotel, virando à direita! Ande por 50 metros, até a esquina com a Av. FD Roosevelt. Lá, vire à esquerda e ande por 450 metros, até a esquina com a Rue Jean Goujon.
PERA PERA! Pare no meio da Champs Élysées, ao cruzá-la, e tire uma foto!

PASSO #2
Horário: 10h10
Na esquina, você encontrará a famosíssima Brasserie Le Grand Palais! Entre, sente e peça o melhor doce da casa com um bom café! Aproveite! Você tem 20 minutos.

PASSO #3
Horário: 10h30
Continue na Av. FD Roosevelt descendo rumo ao Sena. Você andará 300 metros até as margens. Lá, desça no Port Champs Elysées, e caminhe pela margem ouvindo na sua cabeça as musicas com accordeon! Caminhe 200 metros à esquerda, indo em direção à Pont Alexandre III. Nela chegando, suba e aprecie a vista! E, é claro, tire uma foto com os Grand e Petit Palais ao fundo, com a torre ao fundo e das magníficas esculturas douradas da ponte.

PASSO #4
Horário: 11h
Você está no meio da Pont Alexandre III e irá cruzar o rio! Mantenha sempre reto ao Sul, andando 800m até a fachada principal do Palais des Invalides! Lá, aproveite para tirar fotos do domo dourado, onde, dentro, repousa Napoleão!

PASSO #5
Horário: 11h20
Após o Palácio, onde antes funcionava um hospital para recuperação dos inválidos nas guerras napoleónicas, de frente para o prédio, vire à esquerda para pegar o Bd des Invalides, andando apenas um bloco até chegar à esquina da Rue Varenne. Lá, vc entra e logo se deparará com o Musée Rodin! Aproveite! Você terá duas horas até o próximo passo, e aproveite para almoçar no café de lá!
PASSO #6
Horário: 13h30
Continue na Rue Varenne e dobre à esquerda na Rue de Bellechasse. Ande 400m e vire à direita na Rue St. Dominique, andando apenas 40 metros. Você avistará a estação de metrô Solférino, da linha M12. Pegue o transporte com direção à Front Populaire, descendo na estação ABBESSES. Agora você chegará ao passo final da jornada.
PASSO #7
Horário: 13h55
Você chegará na estação Abbesse, que fica na Praça de mesmo nome. Há um coreto no meio dela. Você cruza a praça e procura a Praça Rictus, colada à Abbesse, que é cercada por um delicado portão. Procure um muro azul, ou o chamado Le Mur, e veja o que nele há, e você terá o seu primeiro presente de aniversário! 🙂

PASSO #8
Horário: livre
Volte ao Hotel que o seu segundo presente deverá estar te aguardando!

O segundo presente da Kirsten foi um lindo buquê de rosas que o Sam pediu para entregar na recepção do hotel… o resto dessa declaração não nos cabe e vai ficar somente na imaginação de cada um.

Para quem não sabe o significado do Le Mur (eu também não sabia), ele é o muro do amor (le mur des je t’aime), um monumento criado por Frederic Baron e Claire Kito para acolher o amor e os amantes do amor, como um refúgio desse mundo de violência e dominado pelo individualismo em que vivemos. Nesse muro, há mais de 311 declarações de amor escritas em 250 línguas diferentes. (fonte: http://www.lesjetaime.com/english/index.html). Só de escrever esse post e imaginar o caminho percorrido pela Kirsten me faz chorar de novo!

Sim, Paris é a cidade do amor, uma cidade romântica, ainda mais com um trajeto desses. Acho uma pena eu nunca ter voltado à Paris, porque foi uma viagem inesquecível! Ainda mais na época de Natal… a pena maior foi eu ter perdido todas as minhas fotos dessa viagem, que sumiram quando meu laptop travou. Espero um dia voltar lá, e quando eu fizer, quero com certeza levar meu amor nessa praça, para admirar esse muro e imaginar as milhares de histórias de amor que já não passaram por lá!! 🙂

Essa é ou não é a declaração de amor mais linda e romântica de todos os tempos?! Eu realmente desejo que a Kirsten preserve e cuide muito bem desse amor, porque homens românticos como o Sam nos dias de hoje, são coisas raras!

A-braços com o coração derretendo de felicidade por essa linda declaração de amor – isso porque nem foi para mim… imagina se eu recebesse uma declaração dessas?! Acho que teria um treco! 🙂

Agende a sua viagem para Paris aqui:

2 thoughts on “A declaração de amor mais linda do século!”

  1. Great goods from you, man. I have understand your stuff
    previous to and you are just extremely great.
    I really like what you’ve acquired here, really like what you are stating
    and the way in which you say it. You make it entertaining and you still care for to
    keep it wise. I can not wait to read much more from you. This is actually a wonderful web site.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s