Amigos – longe ou perto, mas sempre no coração


Outro dia quando estava indo dormir, me veio na cabeça uma cena vivenciada com alguns amigos em 1999… na mesma hora me veio um sorriso nos lábios e uma saudade imensa dos ‘Los Phodões’ (e das phodinhas)… em seguida comecei a relembrar vários momentos que tivemos juntos, gargalhadas, bagunças no teatro, muitos açaís tomados na Oficina do Açaí, ‘casteladas’ à beira da fogueira, passeios de barco pela represa ou por Ubatuba, noites zoadas de filmes, poesias, jogos de RPG, baladas…
enfim, momentos inesquecíveis, que terão sempre um lugar muito especial no meu coração!

Claro que com tanta viagem no túnel do tempo perdi o sono e demorei para dormir… mas o passeio aos velhos tempos foi bom, apesar de ter me dado uma certa tristeza por não ter tido tanto contato real com esses amigos. Somos amigos de Facebook, de MSN ou coisas assim, mas de um grupo de cinco somente uma pessoa continua sendo amiga de verdade ainda. É triste saber como a vida dá voltas e pessoas que são tão especiais em algumas fases do nosso desenvolvimento humano entram e saem da sua vida em um piscar de olhos.

Esse meu post é em homenagem à esses amigos e a todos os outros que tenho… amigos que estão perto, longe, amigos que vejo sempre ou quase não trocamos mais a palavra, mas amigos que são especiais e  mesmo que com os encontros e desencontros da vida, sempre estarão guardados junto ao peito.

Isso me fez pensar também em como a modernização das comunicações muda o nosso modo de se relacionar com as pessoas, acabamos obtendo relações mais superficiais e acabamos perdendo o laço de afeto e amizade que na verdade só existem com a troca de experiências ou situações – acontecidas ao vivo!

Amigos, eu tenho saudades de todos vocês e sou muito feliz por termos feito parte da vida um do outro em algum momento e saibam que torço muito para a felicidade de cada um de vocês. Quando vejo uma foto nova ou um post no Facebook ou Twitter, me encho de alegria por saber um pouquinho da vida de vocês e ver como estão felizes!

Eu te amo, amigo(a)!!

Um grande beijo,
A!

PS: Amigo nesse meu post, refere-se tanto aos amigos com ou sem laços sanguíneos! 😉

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s